ANYMARKET conquista certificação do Mercado Livre na Argentina

Fundado há mais de 20 anos em Buenos Aires e chegando dois meses depois ao Brasil, o Mercado Livre possui uma ampla operação logística, serviços de pagamento online e mais de 12 milhões de fornecedores vendendo mais de 260 milhões de itens.

Além de ser um dos maiores marketplaces em operação no país, com 33% de share, o Meli é o quarto marketplace mais acessado do mundo, com 661,7 milhões de visitas por mês de acordo com o webretailer, uma das principais referências mundiais sobre comércio eletrônico.

A recente certificação conquistada pelo ANYMARKET, plataforma de vendas em marketplaces líder na América Latina, criada e desenvolvida pelo DB1 Group para atender ao universo e-commerce, premia os esforços de internacionalização da empresa, que vem trabalhando para ganhar força em novos mercados, com qualidade e excelência na sua área de atuação.

A dupla certificação do ANYMARKET no Mercado Livre facilita a tomada de decisão dos sellers que queiram atuar nos dois países ou buscam a segurança de contratar uma ferramenta que seja reconhecida pela sua credibilidade no Brasil e na Argentina.

Entres os requisitos do Mercado Livre para a obtenção da certificação em outro país, estão:

  • Ter certificação Platinum no país de origem;
  • Ter representação de equipe comercial no país que deseja obter a certificação internacional;
  • Possuir NPS acima de 40;
  • Possuir GMV mínimo.

Já os benefícios oferecidos pelo Meli para quem tem a certificação internacional incluem:

  • Suporte de desenvolvedores de parceiros (PDs) locais;
  • Certificações em outros países;
  • Apresentação para a equipe comercial;
  • Recomendação do Mercado Livre para parceiros e vendedores.

A certificação também auxilia no tempo de atendimento para a solução dos problemas e atendimento de chamados abertos ao Marketplace. “No Brasil, nosso rate limit com o Meli já é diferenciado devido a certificação que temos no Developer Partner Program, isso nos proporciona um diferencial para a qualidade dos nossos serviços ofertados, é diferente de um hub que não possui a certificação e, por isso, possui um rate limit menor, ou seja, uma limitação maior da taxa usada nas transações de dados entre as ferramentas”, conclui a executiva.

Compartilhar